Meu vizinho mulato me comeu quando eu tinha 10 anos

Click to this video!
Autor

Eu me chamo Giordanny, hj com 45 anos, gay assumido desde os 12 e muito tenho a contar, pois desde os 5 anos fui abusado por homens maduros que sabiam que meus pais eram separados e eu ficava muito só, pois mamãe trabalhava e meu irmão mais velho não saia do campinho jogando bola, o que era a paixão dele, dando assim brecha para que seus amigos fossem até minha casa despistando procurar por ele, e assim, me seduziam .Mas quando eu tinha 10 anos, eu já tinha maldade incutida por eles, e comecei a não mais conseguir ficar sem sexo, pois estava viciado de tanto que me abusavam, porém eu ainda não tinha tamanha maldade em conquistar ou sequer saber bem como era aquilo, mas como não tive a oportunidade da escolha natural, já tinha desejos intensos que não conseguia administrar, e confesso que até então não conhecia o que era amor nem prazer, era só dor e uma mistura de ódio e curiosidade.Ate que numa noite de domingo, mamãe foi pra casa de minha bisavó, que era perto e me deixou sozinho vendo tv, então como eu tinha costume de ir na vizinha brincar de boneca com a filha dela que tinha minha idade, resolvi ir la pra brincar, bati na porta como de costume, até que pra minha surpresa, o padrasto dela que morava em Bh, veio abrir a porta só de cueca, aquelas de malha branca com abertura na frente tipo zorba. Era um homem de uns 38 anos, negro, um corpo perfeito, masculo, uns 80 kl, mais ou menos 1,80 de altura, peludo, um belo homem maduro e viril. quando ele abriu a porta e vi aquela imagem de macho, não sei como não dei tempo a ele de me barrar, fui entrando casa adentro e perguntando… a Preta ta aí?
rsrr
Ele disse …não está trabalhando a noite! Eu disse …e a Silvania ? ele rspondeu, está na tia dela, vai dormir lá! Eu disse …hum, o q vc tá assistindo ? mesmo eu vendo que era o mesmo que eu lá em casa, rsrsr os trapalhões . Ele sem entender fechouo porta de entrada olhando lá pra fora e tendo a certeza de que ninguem me viu entrar. então eu ja sentado na beira da cama olhando a tv ele se sentou do outro lado e ficou calado olhando atv e eu tb calado por uns instantes, mas olhando as vezes aquele homem ali do lado jogado com braços para tras e as pernas abertas e um volume imenso que crescia a cada olhada minha .Eu na ingenuidade de criança fui deslizando minha mãozinha devagarinho, quase em camera lenta, rsrsr como se ele não fosse perceber q isso acontecia, mas naquele momento um imã me puxava e eu fui cada vez mais aproximando ate que toquei com as pontas dos dedos naquela cabeça brilhante e grande que já estava escorrendo uma aguinha que eu não sabia direito o q era .Qual foi minha surpresa quando toquei achando q ele nem tava vendo, rsrsr ele se levantou, me assustei, tirei a mão com medo e tremendo, e eu disse, não me xingue, por favor !! Ele em pé na minha frente, deu um sorriso safado e disse … Não vou te xingar, eu sabia que era isso que você queria !!! Fiquei paralisado . Ele tirou a cueca, jogou no chão e deixou aquele pau imenso, grosso, retinho, cabeçudo, maravilhosooooooooooo. eu nunca tinha vistouma coisa tão perfeita, nem fazia idéia que existia .Ele se deitou totalmente nú, na cama da esposa, e disse, toma, é todo seu, faça o que vc quer !!! enlouqueci, meu coração batia forte, eu não sabia o q fazer, pois pela primeira vez, eu seduzi alguém, Comecei a tocar tremulo, com medo e admiração .ele arrepiado que eu via seus pêlos em pé . Seu pau latejava e babava, eu não quis chupar, pois aindanão sabia como é bom e sempre q chupei os outros eraa força e isso me irritava, continuei ali acariciando e admirando um pau tão belo, devia ter uns 30cm e grosso .Depois de um tempinho ele perguntou isso q vc queria né?
Eu fiz com a cabeça q sim . ele sorriu e perguntou, deixe eu colocar na sua bundinha? Vc gosta?
eu disse que sim, mas pedi pra ele… tenho medo, é muito grande!! ele disse … ponho só a cabeça, devagarinho, se machucar eu, te prometo !! Eu me virei na cama de bundinha pra cima de 4 como uma cadelinha, eu uma criança, um menino de 10 anos, loirinho, lisinho, bundinha empinadinha, rsrr ele desceu meu shortinho de nylon,me ajeitou de 4 cuspiu nomeu cuzinho e passou muito cuspe no pau dele e veio, devagarinho, colocou na portinha do meu cu quase virgem, pois até então nunca recebera tamanha vara . Eu quietinho, fechei os olhos com medo e desejo, sentindo aquela cabeça lubrificada entrando aos poucos, assim q ela entrou, senti minhas ultimas pregas arrebentando, abri os olhos, via estrelinhas coloridas como quando a gente dá uma martelada no dedo sabem? rssr Mas ele experiente, foi penetrando aos poucos e perguntando carinhosamente se tava machucando, eu dizia q tava doendo e ele dizia quer q eu pare, eu dizia não pode continuar . Quando já estava na metade, comecei me tocar do jeito q meus primos me ensinavam, e a dor diminuia a medida q eu ficava me masturbando, e ele enfiando cada vez mais . ate que ele disse, falta sóum pouquinho, pode colocar ? eu disse sussurando, podeeeeee
Foi então que tudo aquilo entrou dentro de mim . até hj me lembro da sensação, a coisa mais gostosa que já senti, tanto é que ate hj me lembro, com riqueza de detalhes, pois foi ali q descobri o prazer e tenho certeza que tb foi ali que me tornei um gay de verdade . Nesse momento, com tudo dentro, aquele homem negro, lindo, viril, se deitou sobre mim com cuidado, como quem não quisesse quebrar um bibelô, e me prendeu debaixo dele, totalmente possuido, entregue, um presente da natureza para aquele macho, gostoso, que penso devia ter muitas mulheres, ter um ninfetinho, aguentado toda aquela rola imensa sem gritar, nem pedir que parasse . Ele me socou fortemente, me arregaçou de todas as formas possiveis, eu sentia ele gozando a cada 10 pistoladas, eu sentia jorrar la dentro, um sonho, meteu tanto em mais ou menos meia dentro sem tirar, até q gozei pela primeira vez, aos 10 anos, debaixo daquele homem inesquecível, que até hoje procuro por ele !!!