Como tudo começou parte 2



Click to this video!

ola amigos, voltei para contar pais uma parte da história anterior, ( como tudo começou parte 1 )
conforme falei ao terminar o ultimo conto, eu havia marcado com meus amigos para irmos brincar a tarde na casa do Marcelo, e as 3 hs depois que descansei da pirocada que eu havia levado do meu vizinho, e ter tomado um belo banho para sair o resto de porra que meu vizinho havia enchido meu cu, dei um abraço na minha mãe, eu estava só de calção, ela aproveitou meu abraço e ficou alizando minha bunda e esfregando o dedo no meu cuzinho e quando me soltou, me falou, menino você está cada dia mais gostosinho, vai brincar com seus amiguinhos e na volta conversamos, não tenha preça, so volte antes de escurecer, dei um beijo nela e
fui o mais rápido possível me encontrar com meus amigos que já estavam ansiosos me esperando…
entramos na casa do Marcelo e ele por ser o mais velho e mais forte já foi logo avisando, hoje vamos brincar de trenzinho, vamos ficar todos pelados e o carlinho fica numa ponta e eu por ultimo, por eu ser o mais velho, vou iniciar enfiando minha pica na bunda do carlinhos para ele já ficar com o cu piscando, todos vão ficar sarrando o que estiver na frente e se possível enfiar o piru na bunda dele, entenderam?
todos se olharam e eu fui o primeiro da fila e já fui logo empinando minha bunda
e assim foi feito, eu adorei a ideia do Marcelo ser o primeiro, porque a pica dele era a maior e bem grossinha, do jeito que eu gostava, ele logo que chegou atrás de mim, passou guspe na cabeça do pau dele e na porta do meu cu e não teve nenhuma dificuldade em enfiar tudo, socou por uns 10 minutos enquanto os outros ficavam olhando e um sarrando o outro, normalmente os mais fraquinhos eram sempre os que entravam na pica e nem chegavam a enfiar o piru no que estava na frente.
bom depois que o Marcelo socou bastante meu cu, os outros se posicionaram e eu logo recebi outra pica no meu cu, era bem menor que a do Marcelo mas o menino metia com vontade, eu estava adorando, eu ficava ouvindoalguns reclamarem que estava doendo e os outros so socando a pica e iam trocando de posição, o que estava comendo ia cumer outro e levava pica também de outro, éramos em 10 garotos, e sempre que saia o terceiro o Marcelo vinha e falava para os outros ficarem olhando ele me socar, dessa vez ele sou um pouco mais e eu estava adorando e a fila ia andando até que chegou novamente a vez do Marcelo e eu levei mais um monte de socada e no final ele encheu meu cu de porra, ( ele era o único que gozava da turma )
depois que ele gozou, chamou os meninos para ficar vendo a porra dele sair do meu cu… e falou na próxima vez vou gozar na bunda de outro e novamente eles se olharam e riram, nós ficamos fudendo por umas 3 hrs e já estava na hora de eu ir para casa, fomos para o chuveiro, la rolou mais umas esfregações, saímos, nos enxugamos e c ada um foi para sua casa.
eu segui meu caminho normal, todo satisfeito por ter levado muita pica, meu cu não parava de piscar, e derrepente me dei conta que estava chegando na casa de meu vizinho e ele estava no portão me esperando, porque me viu saindo e sabia que eu iria voltar… nem acreditei quando ele mandou eu entrar um pouquinho, que não ia demorar nadinha, eu disse a ele que já estava na minha hora e não podia demorar… ele garantiu que não íamos demorar e assim que entrei ele já tirou minha roupa e mandou eu ficar de 4 e enfiou a língua no meu e ficou me chupando e eu gemendo de prazer, eu estava adorando e ele então mandou eu me posicionar porque ele ia enfiar tudo e encher meu cu de porra, nossa quando ele falou isso eu cheguei a suspirar fundo porque se tinha uma coisa que eu gostava, éra pica no cu
ele então enfiou com cuidado para não me machucar e quando entrou tudo me perguntou se eu estava gostando… eu respondi que estava adorando, mandei ele socar bastante e ele não perdeu tempo e socou muito, parava as vezes para não gozar e eu ficava sentindo sua pica pulsar dentro do meu cu e ele então continuava até que não aguentou mais e gozouuuuuuu, gozou muito, escorria muita porra do meu cu e ele continuou engatado até amolecer, quando tirou ela de dentro do meu cu, caiu muita porra na cama e ele ficou passando o dedo e espalhando pela minha bunda, fui tomar meu banho, me enxuguei, vesti meu calção e minha camisa e fui para casa todo fazeiro porque tinha levado muita pica, quando entrei em casa, minha mãe perguntou porque eu demorei tanto, meu pai anda não havia chegado e ela estava no sofá, respondi que meus amigos não deixaram eu vir antes, porque a brincadeira estava muito boa e eu havia gostado muito e fiquei mais um pouco.
ela me chamou para ficar a seu lado e falou que não tinha problema, se eu havia gostado era o que interessa e ficou alisando meus cabelos, meu peito e foi decendo a mão e segurou meu piru que estava durinho e continuou mandou eu turar o calção e começou a me chapa o piruzinho muito e depois mandou eu ficar de 4 e ficou olhando meu cu que não parava de piscar e estava todo inchado… ela sorriu e me disse, filho a brincadeira estava mesmo muito boa né? e eu fiquei com vergonha e nem respondi, foi ai que ela falou para mim, depois dessa brincadeira toda agora a mamãe quem vai brincar um pouco com sua bunda, posso? me perguntou ela, eu respondi mãe meu cu ta piscando muito, brinca com ele como você faz sempre… ela então começou a enfiar a língua no meu cu e a enfiar o dedo, no inicio, um dedo e no final 4 dedos e ficou socando muito e gemendo, ate que senti que ela estava gozando porque ela se tremia toda com os 4 dedos enfiados no meu cu, quando ela acabou de gozar, falou, meu filho seus amigos brincaram muito com você hoje, não foi? eu respondi, sim mamãe brincaram muito e eu adorei, adorei também o que a senhora fez agora, foi muito bommmmmm, ela falou que ia me dar banho, porque meu pai já estava para chegar e não queria que ele desconfiasse, fomos para o banheiro e enquanto tomávamos banho, ela passava sabonete em mim, a porta do banheiro se abriu e meu pai entrou já sem roupa, e falou que ia tomar banho junto com a gente e entrou no boxe, eu quando vi a pica dele, quase chorei de tezão, era muito maior que a do nosso visinho e muito mais grossa, e enquanto a agua caia, eles trocavam beijos e maços e a pica do mei pai, cada vez mais dura ficava batendo no meu peito e não resisti e coloquei na boca, mas como era muito grossa, eu so conseguia ficar lambendo e não demorou muito ele encheu minha boca de porra e continuou a beijar minha mãe e derrepente mandou ela ficar de 4 me chupando e enfiou de uma só vez o pauzão dele no cu dela, ela tem uma bunda muito bonita e eu acho que puchei ela…
depois do banho fomos lanchar e ver tv, eu fiquei no colo do meu pai o tempo todo sentindo aquele pauzão na minha bunda… depois conto a terceira parte