Domingo de ferias



Click to this video!

férias, voltei uma semana antes da família para trabalhar,estando em casa, calor de 30 graus, mexendo nos armários, bagunça depois das férias, no quarto no ar condicionado, toca campainha da minha casa.Fui atender a porta era uma menina, Ketlyn, vendendo rifa do colégio, suada porque tava andando de bicicleta.Perguntei preço, R$1,00 o nr. era baratinho mas ela tinha que vender os 50 numeros senão ia perder a viagem na Pascoa, sorteio era uma cesta de pascoa.Falei que era muito, ia ficar com 10 numeros, 10,00 reais, e a garotinha quase começou achorar, triste.Disse que tinha saído de manhã cedo e corrido meia cidade e vendido 5 numeros…. e quenão sabia como fazer, não podia perder a viagem da turma dela.Começou a me vir agumas ideias mas se segurei e disse” que peninha mas era muito so pra uma cesta de premio…”.Ela seguiu argumentando que tinha que vender, perguntei porque os pais não ajudando então e ela falou que o pai tava preso e a mãe trabalhava 2 turnos e ganhava pouco e tinha que dar $ pro marido preso, etc, etc, moravam na periferia e era ela e mais uma 2 irmãs mais nova(gêmeas) e ela tinha que fazer tudo, etc,etc..Perguntei se queria entrar e tomar uma agua ou suco, ela aceitou nahora porque tava pedalando já todo dia.abri o portão para guardar a bici e levei el até na cozinha para beber algo.Deixei ela escolher o que beber e dei uma examinada nela, perguntei o nome e a idade, Ketlyn, tio, e tenho 12 ela respondeu, não parecia não, tava com uma bermuda leg, camisetão e havaianas, não dava pra ver muito o corpinho,dei mais papo pra ela, queria saber pra onde era a viagem, etc e ela falou que iam a Camboriu e o namoradinho também ia e já tinha vendido tudo. Mas ele não pode te ajudar a vender, perguntei, não, ela falou, porque tem mais duas loucas por ele e quem for, ele vai ficar. Só ficar, perguntei, ai ela deu uma olhadinha pra mim e deu uma risadinha, ….senti que se abriu um pouco, ela perguntou se podia beber mais um copo e disse que sim, pra ir na geladeira e se servir, enquanto ia na sala pegar a grana, os 10,00.De sacanagem peguei uma nota de 50 e uma de dez, voltando pra cozinha, deu pra ver melhor o corpinho, era moreninha clara, 1,30m mais ou menos, bundinha meio arrebitada e pouco seio, pelo que dava pra ver, cabelo curto e um Pierce na sobrancelha e umas sardas, olhinho um pouco puxado. Fui dar a grana, mostrei a de 50 e a de 10, que separei pra dar e ela ficou fixada na de 50, notei que tinha fisgado o peixe !Ela logo insistiu pra eu comprar tudo, compra tio, ela dizia, vai me ajuda,etc,etc.Me fiz de louco e propus que como o premio tinha um valor muito baixo, não dava.Aí, tio, me ajuda, não posso perder essa viagem, qué que mais posso fazer pra ganhar essa grana?ai sim, gostei, me fiz com cara de preocupado e desinteressado, disse que era muita grana, mas quem sabe com algumas coisas ela podia ganhar os 50….! Aih tio, entendi, mas sou ainda virgem, boquete já fiz, logo ela disse, quer que eu faço? Bateu a curiosidade e perguntei pra quem ela fazia boquete, ah desde os 10 aninhos meus primos me faziam chupar, mas nada mais que isso.É pouco, falei, vem comigo,quer?SIM, ela logo respondeu, fui na área de serviço onde tem um chuveiro da empregada e disse pra ela tomar um banho e se enrolar numa toalha e voltar ligeirinho pra sala. Escutei o barulho do chuveiro, durou pouco e logo tava ela chegando enrolada numa toalha, eu sentado no sofá .Ela queria logo fazer o boquete, veio meio pra se ajoelhar,não deixei, falei pra ficar de costas e soltar a toalha, atendeu e ai vi bem o corpinho da garotinha, bundinha bem formadinha, coxinhas reforçadas, que tesão me deu !Pedi pra devagarinho virar, peitinho formadinho, biquinho quase não existiam e os pentelhos já nascidos mais ralos e a bucetinha miudinha, mas um grelo anormal, babei! Ela com as mãos insistia a tampar a bucetinha, os peitinho ela não tava muito preocupada, devia ser por causa do clitóris grande, para não perder muito tempo, disse que era melhor irmos pro quarto onde o ar tava melhor !Se enrolou na toalha,chegando lá pedi então pra deitar na cama que eu ia examinar ela bem.Ela preguntou de novo se realmente e ia dar os 50, disse que sim,mas devia fazer oque eu pedia. Deitou e fixou o olhar no teto,, apaguei a luz, só ficou a luz da rua que entrava pela veneziana, tirei a toalha e comecei a lamber as tetinhas, que resultou num tremilico, aih tio, dá comichão, kkkkk disse pra aguentar que ia gostar. Enguli toda tetinha direita na minha boca, que deixava sair da boca ficando no minúsculo biquinho e umas mordidinhas deixavam ela inquieta na cama.Fui descendo, umbigo, até chegar lá, me instalei no meio das coxa dela,ela seguia tampando com a mão a ppeka, tirei ela pro lado e sempe beijando s partes internas das coxas, lambendo, fui passando a dar uns beijos na pepkinha dela.Ela tentava tampar com a mão mas acabou cedendo e comecei a chupar suavemente o grelão, a língua deslizava de um lado ao outro, as vezes meu nariz fazia um carinho também, e com o dedo na entradinha da vagina senti que tava ficando molhada.Segui no grelo e quando senti que era hora de ver o que ia acontecer,chupei o grelo e prendi na boca e com os dentes fazia uma suave serrilhada nele, ela explodiu, se contorcendoe dizendo, pára tio, pára tio…segurei frme as pernas dela e continue a tortura gostosa.as pernas começaram a tremer, mas não parei, continuei na chupação e ela já tava prepando uma segunda gozada, que logo senti que veiu….e a minha cama ficou emlambuzada de porra dessa garotinha !
Dei um tempo, deixei ela se recuperar, parecia meio desmaiada,respirando forte, assim baixando o ritmo dos batimentos do coração até estar normal, peguntei, se tava tudo bem, ela fez sim com a cabeça .A essa altura eu tava com o pau estourando d evontade de comer ela, mas ainda tava receoso, virgem, 12 aninhos, logico que me foquei no cuzinho, que quem sabe rolaria.Ela sentou na cama e se ofereceu pro boquete, ta bom, vamos lá, me pelei, meu pau é médio, 17 x 6, ela se impressionou, sentou na borda da cama e deixei ela mostrar o que sabia fazer.Botou a cabeça da pica na boca e chupava e fazia uma punhetinha com a mão, dava pra ver que já tinha alguma experiência.Me chupava e fcava olhando para minha cara, pelo jeito queria ve se tava agradando, mas eu queria que ela engulisse todo meu pau, assim fiz ela largar a mão dele e empurrei tudo na boquinha, deu uma engasgada e fiquei fudendo ela assim, mas notei que tinha forçado muito a barra, ela lacrimejava mas não largava o bicho.Um dado momento pedi para ela parar e ela disse que eu podia gozar na boca dela, sem problema.Mas eu queria me guardar para tentar o cuzinho, por isso disse que queria brincar um pouco mais com ela, deitamos a cama e pedi para ela ficar de costaspra mim, ficou desconfiada, mas topou, encaixei meu pau nas coxinhas dela e comecei a brincar, as vezes dava uma encaixada na entrada da bucetinha, ficava parado ali, ela deixava mas por pouco tempo.Dei a desculpa que tava assando meu pinto e pequei o gel que tinha no quarto, emlanbuzei bem meu pau e o cuzinho e a bucetinha dela e voltei pra brincadeira, encaixava na entrada do cuzinho, deixava ali, fazendo so uma pequena movimentação pra dntro efora, mas sem entrar quase nada, tiirava e botava nas coxa e usava meu dedo pra bulinar o czinho, o indicador entrava pela metade com a ajuda o gel mas ela piscava bem e eu tirava, ate que chegou a hora de encaixare forçar um pouco e finalmente entrou um pouquinho, mas ouvi um “ahn” e uma contraída .Deixei ai parado e lambia o pescoço dela, isso fazia ela se remexer,era muito sensível e isso me deixava dar uma metidinha mais naquelecuzinho.Chegou um momento que senti que não dava pra forçar mais, era muitoapertadinho e fiquei assim com um terço do pau enfiado e metendo bem devagar ate que meacabei, enchendo de porra o buraquinho.Ela sentiu a esporreada e deu uma contraida no esfincter e isso me deixo mais com tesão ainda e ajudando a aumentar a pressão do jato da porra.
Tava grudado nela, sai devagarinho e olhei o cuzinho dela que tava um pouco mais aberto, mas em uma semana isso ia mudar, voltava no normal, assim esperava. Fomos tomar banho juntos, aproveitei para olhar de novo aquele corpinho e depois dei os merecidos 50 pra ela mas na despedida ela quis saber se podia vir de novo, queria ganhar grana, tinha gostado, o cu tava ardendo um pouco .Falei que tinha que pensar mas onde podia encontra ela ?Nas 3as de tarde to sempre no shopping, com minhas amigas .Fiquei assustado, pensei que ela nunca mais ia querer me ver e também não queria rolo nenhum, quem sabe, eu disse, ela muito sapeka disse, posso trazer meu primo junto, ele é viadinho, vi que tu é ligado num cuzinho tio,tem minha idade …..fiquei chocado, não sabia o que dizer, ela ali montada na magrela e negociando comigo.Olha até pode mas ai é 25 PRA CADA UM! Ela não gostou muito, falou, 30pra mim e 20 pro Wesley, pode? Falei q eu ia pensar e se topasse ia passar la na parada de ônibus atrás do shopping as 2 da tarde.